A Natureza é algo que me fascina. Desde a mais pequena ave até ao simples mamífero, tudo me apaixona um pouco mais e me traz a calma e serenidade precisa. Na natureza tudo é puro e verdadeiro.

Este pequeno mamífero apareceu-me, super curioso, numa das minhas saídas de campo para observar aves, a minha grande paixão. Super curioso e atrevido, chegou mesmo a estar a uma distancia de menos de 3 metros de mim, sem qualquer receio.

Nunca havia observado antes e julgava-a maior do que é na realidade.

Aqui detalho um pouco as suas características com algumas fotografias que me foram permitidas captar.

A doninha-anã (Mustela nivalis) é uma espécie de doninha, um pequeno mamífero carnívoro da família dos mustelídeos.

Doninha-anã
14207839_10210974694590395_3940189997964401540_o
Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Família: Mustelidae
Subfamília: Mustelinae
Género: Mustela
Espécie: M. nivalis
Nome binomial
Mustela nivalis
Linnaeus, 1766

Com menos de 23 centímetros de comprimento, trata-se do menor mamífero carnívoro vivo. Isso não significa que ela seja o menor mamífero que se alimenta de carne (título que pertence ao musaranho, apesar de sua dieta constituir-se de insetos, e não carne de vertebrados, como no caso da doninha) apenas que é o menor membro vivo da ordem Carnívora, que inclui mamíferos como o cão, o urso, a foca, o quati, a hiena, o gato e o mangusto.

14232028_10210974697430466_4618633269395013028_o.jpg

De pequeno porte, patas curtas e corpo alongado e ágil, próprio para penetrar na toca de roedores, a doninha é muito semelhante à suas primas como a doninha das montanhas, o arminho e o furão, todos do género Mustela.

O corpo da doninha, como já estabelecido, é próprio para caçar presas pequenas. Seu cardápio constitui-se de roedores, coelhos e outros pequenos mamíferos. São animais solitários e agressivos contra os membros de sua própria espécie.

14257594_10210974694550394_3025222746669380053_o.jpg

Em locais de clima mais frio, a doninha, assim como seu parente o arminho, troca sua pelagem e fica inteiramente branca durante o inverno a fim de se camuflar na neve. Na primavera, a pelagem normal reaparece.

14138757_10210974696390440_5969112274434143506_o

Este animal pode ser encontrado na Europa, Ásia e América do Norte, geralmente em áreas mais ao norte, mas já foi encontrada também no norte da África.

Foi acidentalmente introduzida pelo homem na Austrália e na Nova Zelândia.

(Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Mustela_nivalis)

Advertisements